Meu Cãozinho late demaisssssss!!!


Bom Dia! Dra. Jackline

Tenho um lindo salsichinha o “Snif”de 9 meses, estou entrando em desespero, não posso sair de casa que ele late sem parar, mas é sem parar mesmo !Estou deixando de sair, de viver por causa dele, meu marido está até saindo sem mim, jaja perco meu casamento! Sei que isso não é certo mas não sei mais o que fazer???
Bom dia, se isso servir de consolo, isso acontece com freqüência, já é considerado comum.

Sei que é uma situação desesperadora para a maioria dos proprietários, pois envolve o animal, o proprietário e o amado vizinho do lado, da frente, de cima e de baixo, realmente gera um Stress em cadeia.
Partimos do princípio -Observação.
Após a observação podemos perceber que o que falta com certeza para esse filhotinho são os famosos LIMITES.
Sei também que não é fácil resistir aquela carinha linda, meiguinha pedindo pra você fazer tudo que ele quer e aí agente não resiste e faz tudo errado, está feita a encrenca !!!

“ O animal deverá se adaptar á rotina da sua vida e não você á dele”, isso é mais saudável para você e para ele.

Como colocar os limites:

--Criar rotina- *Alimentação- Colocar ração nos horários corretos, não deixar alimentação á vontade
*Ensinar urinar e defecar no local correto.
--Elogios/Punição *Elogiar, presentear em acertos
*Punir somente com tom de voz forte ou spray com água no rosto, mas só é valida a punição feita na hora H, se feita depois é muito prejudicial.
*Manter sempre a palavra.
-- Seja forte-- *Não sinta-se culpado por deixar o animal em casa ,
sozinho ele deverá se acostumar com a rotina da casa e não á casa com a rotina dele.

-- Vai latir demais- *O latido realmente incomoda e eles são tão espertos que sabem que ganham o dono no latido, portanto seja mais inteligente que ele, ignore o latido, ele percebendo que não consegue o que quer, não será estimulado e gradativamente deixará de latir.

--Não fazer festa para o animal quando chegar em casa- isso é o mais difícil nesse processo, mas precisamos fazer esse esforço para não estimularmos este comportamento ansioso da espera. Esse comportamento pode gerar uma doença psicológica chamada “Ansiedade de separação”. Portanto devemos fazer carinho no animal somente após a euforia dele ter passado: entre em casa, disfarça vai no quarto, no banheiro somente depois que ele estiver calmo faça carinho nele, converse com ele.


--Quando sair deixe o animal com uma camisa sua usada, ao som de um rádio, com uma luz acesa na casa.

***O mais importante não esqueça de dar o “Floral de Bach” ele fará com que o animal passe por todo esse processo de uma forma tranqüila, sem traumas e sem Stress. 

Um comentário:

BAM disse...

olá tudo bem suas materias são otimas voçê estar de parabens que deus te abençoe cada vez mais fica com deus

Entrevista Globo- 16/08/2009- Vinícius Val Verde

Deixe seu email e receba nossas atualizações:

Entrevista Jovem Pan I de III - Patrícia Rizzo entrevista Dra.Jackline Pinto

Confiram nossa entrevista 17/10/2011- Cristina Pinho entrevista Dra.Jackline Pinto

38 essências Florais

Os Florais de Bach atuam equilibrando as emoções de todos os seres vivos- Humanos, animais e vegetais.... e consequentemente alterando comportamentos... Abordagem simples das 38 essências dos florais de Bach:
Agrimony (para animais que demonstram alegria e estão tristes)
Aspen (para medo de algo que não se define)
Beech (para o critico e intolerante)
Cerato ( para falta de segurança e confiança em si mesmo)
Crab Apple (para fraca imagem de si, pessoa que não se aceita)
Clematis (para os que andam com a cabeça nas nuvens)
Centaury (para quem é submisso)
Cherry Plum (Para medo de perder o controle)
Chestnut Bud (para dificuldade de aprendizado)
Chicory ( para possessividade)
Elm (para sobrecarga de obrigações)
Gorse (para falta de esperança)
Gentian (para desanimo nas dificuldades)
Hornbean (para preguiça, falta de energia)
Heather (para os que chamam atenção a todo custo)
Honeysuckle (para os ligados ao passado ou aos que se foram)
Holly (para quem tem raiva)
Impatiens (para os que querem tudo no seu tempo e na sua hora)
Larch (para falta de confiança)
Mimulus (Para medo de coisas definidas)
Mustard (para depressão, tristeza profunda sem explicação)
Olive (para falta de energia vital)
Oak (para quem, mesmo cansado, continua a trabalhar)
Pine (para culpa)
Red Chestnut ( para preocupação excessiva com alguém amado)
Rock Rose (Para pânico)
Rock Water (para o inflexível, que impõe a si padrões elevados)
Star of Bethlehem (para trauma)
Scleranthus ( para incerteza e desequilíbrio)
Sweet Chestnut (para sofrimento profundo)
Vervain (para animais eufóricos, hiperativos)
Vine (para o dominador e inflexível)
Wild Oat (para decidir o novo caminho a seguir)
Walnut (para situações de mudança)
White Chestnut (para situações repetitivas, ciclicas)
Water Violet (para os fechados nas emoções, solitários)
Willow (para autopiedade, ressentimento)
Wild Rose (para depressão, resignação)
** Rescue- Star of Bethlehem+ Clematis+Rock Rose+ Cherry Plum+Impatiens
Jackline Pinto

Eu e Dra.Carmem Monari, Diretora do Bach Center no Brasil

Eu e Dra.Carmem Monari, Diretora do Bach Center no Brasil

Dani Franco entrevista Dra.Jackline Pinto no Click TV UOL

Dani Franco entrevista Dra.Jackline Pinto no Click TV UOL

Tv Mundi - Dra.Patrícia Bastos entrevista Dra.Jackline Pinto

Tv Mundi - Dra.Patrícia Bastos entrevista Dra.Jackline Pinto
Florais para Animais em 08/11/2011

Cristina Pinho entrevista Dra.Jackline Pinto

Cristina Pinho entrevista Dra.Jackline Pinto
Just TV

Palestra "Florais para Cães"-Livraria Cultura Shopping Bourbon 18/09/09

Palestra "Florais para Cães"-Livraria Cultura Shopping Bourbon 18/09/09

Você ja utilizou os Florais de Bach em vc ou em seu animalzinho?